Doe

O Brasil na geopolítica climática dos fósseis e os desafios para uma transição energética com justiça social

08/11/2022, às 9:14 | Tempo estimado de leitura: 1 min
Posicionamento político do Inesc sobre transição energética

As emissões por queima de combustíveis fósseis que nos colocam hoje à beira do abismo climático precisam ser observadas sob diferentes perspectivas. O lugar do Brasil como grande produtor de petróleo o coloca como ator-chave no contexto de crise climática global.

Trazer esse tema para o debate público é parte do esforço do Inesc para contribuir com narrativas e com propostas de políticas que favoreçam uma transição energética orientada à realização dos direitos humanos, que eliminem progressivamente o uso de combustíveis fósseis na matriz energética brasileira e, paralelamente, promovam a redução progressiva da dependência econômica e fiscal em relação à produção e exportação de combustíveis fósseis.

Downloads

O Brasil na geopolítica climática dos fósseis e os desafios para uma transição energética com justiça social

Download

Categoria: Publicação
Compartilhe

Conteúdo relacionado

  • Equipe do Inesc na COP 27: Iara Pietricovsky, Tatiana Oliveira, Leila Saraiva, Cássio Carvalho e Livi Gerbase.
    COP 27 – Apesar do pouco avanço glob...
    A 27ª edição da Conferência do Clima (COP…
    leia mais
  • COP 27: Brasil precisa fazer uma transição...
    Representantes do legislativo brasileiro, de sindicatos dos trabalhadores…
    leia mais
  • Estudo lançado na COP 27 revela que Brasil...
    O fomento aos combustíveis fósseis no Brasil alcançou…
    leia mais
  • Fossil Fuels Subsidies in Brazil: know, as...
    Desculpe-nos, mas este texto está apenas disponível em…
    leia mais
  • Subsídios aos combustíveis fósseis no Bras...
    O progressivo abandono do uso dos combustíveis fósseis…
    leia mais