Doe

Modelo de Referência para Publicação de Dados Abertos é lançado para o público

07/10/2020, às 11:19 | Tempo estimado de leitura: 3 min
Criado em parceria entre diversos órgãos e entidades, entre eles, o Inesc, o documento pretende sensibilizar a sociedade e as três esferas de governo no contexto da abertura de dados públicos.
Antonio Cruz/Agência Brasil

O Instituto de Estudos Socioeconômicos (Inesc) é uma das entidades que participaram na elaboração do Modelo de Referência para Publicação de Dados Abertos. Lançado no início de outubro, o documento visa integrar, capacitar e sensibilizar a sociedade e as três esferas de governo no contexto da abertura de dados públicos. Dessa maneira, espera-se orientar quanto à importância, ao uso, à publicação e ao monitoramento de Dados Abertos nos seus respectivos campos de atuação.

O Modelo de Referência consolida o trabalho dos órgãos e entidades responsáveis pela execução do Compromisso 2 – Ecossistema de Dados Abertos – do 4º Plano de Ação do Brasil no âmbito da Parceria para Governo Aberto. Formada por oito países, entre eles o Brasil, a Parceria é uma iniciativa internacional que incentiva práticas governamentais relacionadas à transparência dos governos, ao acesso à informação pública e à participação social.

“O Inesc colaborou ativamente na elaboração do documento. Fazemos parte de um grupo que acompanha o Compromisso 2 e fomos uma das organizações que ajudaram a elaborar o conteúdo que contribui na agenda de Dados Abertos”, explica Carmela Zigoni, assessora política do Inesc.

De acordo com Carmela, o Modelo de Referência para Publicação de Dados Abertos é extremamente importante porque quando os dados forem abertos em todas esferas, eles poderão ser dialogáveis. “Ele também auxilia o trabalho dos gestores municipais e estaduais. Apesar da Lei de Acesso à Informação ter quase 10 anos, ainda há várias dúvidas sobre como abrir e divulgar os dados”, comenta.

Também fizeram parte da criação do Modelo de Referência: Controladoria-Geral da União (CGU), Fundação Getúlio Vargas – por meio da Diretoria de Análise de Políticas Públicas (FGV/DAPP) –, Centro de Estudos sobre Tecnologias Web (Ceweb.br) do Núcleo de Informação e Coordenação do Ponto BR (NIC.br), Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI) e Open Knowledge Brasil (OKBr).

Uso de dados abertos

Existem diversas maneiras de promover o uso de dados abertos, entre elas, alguns aplicativos.  O “CoronApp78”, por exemplo, utiliza geolocalização para informar casos de contaminação pelo novo coronavírus em localidades ao redor do celular e indica hospitais, farmácias e supermercados mais próximos. O “Coronavírus SUS79”, criado pelo Ministério da Saúde, traz informações sobre a Covid-19 e mostra as unidades de saúde próximas à localização do usuário, entre outras funções.

Leia o Modelo de Referência para Publicação de Dados Abertos na íntegra.

Categoria: Notícia
Compartilhe

Conteúdo relacionado

  • Projeto Onda é reconhecido pelo CNJ com Pr...
    O Projeto Onda: Adolescentes em Movimento pelos Direitos,…
    leia mais
  • Análise do orçamento estadual para o Ensin...
    Nota Técnica do Inesc sobre o orçamento destinado…
    leia mais
  • Orçamento para o Ensino Médio despenca em ...
    O Instituto de Estudos Socioeconômicos (Inesc) divulga esta…
    leia mais
  • Foto: Pedro França/Agência Senado
    PLOA 2023: continuidade do desmonte das po...
    O Projeto de Lei Orçamentária Anual (PLOA) 2023…
    leia mais
  • Atuação da Rede de Ativistas pela Educação...
    No Brasil, a Rede de Ativistas pela Educação…
    leia mais